Manutenção de Frota de Caminhões: 10 Dicas Para Ter Sucesso
27 de junho, 2022 3105
Gestão de Manutenção de Frotas
Artigo Artigo

Manutenção de Frota de Caminhões: 10 Dicas Para Ter Sucesso

Com a crescente demanda no Brasil, a manutenção de frota de caminhões tornou-se uma tarefa cada vez mais importante para as empresas de transporte. Ela envolve a inspeção, reparo e manutenção de caminhões, para garantir que eles estejam sempre em boas condições de funcionamento.

Além de garantir a segurança dos, a manutenção de frota também é importante para evitar problemas no transporte de mercadorias. Problemas com caminhões podem causar atrasos no transporte e até mesmo acidentes. Por isso, é importante que as empresas de transporte realizem de forma regular o controle.

Ela pode ser realizada por meio de contratos de manutenção ou por meio de serviços prestados por oficinas especializadas. Muitas vezes, as empresas de transporte possuem oficinas próprias para realizar a manutenção de frota. No entanto, também é possível contratar estes serviços.

Independentemente do método escolhido, é importante que as empresas de transporte realizem a manutenção de forma regular, para garantir a segurança dos caminhões e do transporte de mercadorias.

Entretanto, um grande problema que presenciamos diariamente é a dificuldade do gestor de frotas em desenvolver um bom plano de manutenção de caminhões e implementar de forma positiva na empresa. Pensando nisso resolvemos escrever este artigo com dicas práticas de como ter sucesso na sua implementação.

Boa Leitura!

O que é um plano de manutenção de frota?

Os planos de manutenção de frota são projetados para ajudar as empresas a manterem seus veículos em boas condições, reduzindo assim o número de carros que precisam ser reparados ou substituídos. Eles também ajudam a minimizar o tempo que um veículo fica fora de serviço para manutenção.

Os planos de manutenção de frota geralmente cobrem itens como:

Inspeções: Inspeções regulares ajudam a identificar problemas antes que eles se tornem maiores e mais caros de consertar.

Manutenção preventiva: Manutenção preventiva, como troca de óleo e filtros, ajuda a garantir que os veículos estejam funcionando corretamente e evita problemas no futuro.

Reparos: Quando um problema é identificado, os reparos precisam ser feitos o mais rápido possível para evitar maiores danos.

Substituições: Em alguns casos, um veículo pode ser tão danificado que a melhor opção é substituí-lo.

Os planos de manutenção de frota variam em termos de quais itens estão incluídos e quanto custam.

As empresas devem considerar seus objetivos ao escolher o modelo de plano de manutenção de frota. Por exemplo, se a prioridade for minimizar o tempo que um veículo fica fora de serviço para manutenção, então um plano que cobre reparos e substituições pode ser a melhor opção. Se a prioridade for economizar dinheiro, então um plano mais básico pode ser suficiente.

Independentemente do plano escolhido, é importante seguir as recomendações do fabricante do veículo para garantir que a manutenção esteja sendo realizada corretamente e que os veículos estejam sempre em boas condições.

Tipos de Manutenção De Frota!

A manutenção de frota é essencial para a saúde do seu negócio. Sem ela, os custos de reparo e manutenção podem facilmente se acumular, causando prejuízos financeiros. Existem vários tipos de manutenção de frota, cada um com seus próprios benefícios. Aqui estão alguns dos tipos mais populares:

1. Inspeções regulares

As inspeções regulares são importantes para garantir que a sua frota esteja sempre em boas condições. Elas permitem que você identifique e corrija problemas antes que eles causem danos maiores. As inspeções devem ser realizadas pelo menos uma vez por ano, mas podem ser mais frequentes se a frota for usada com mais frequência.

2. Manutenção preventiva

A manutenção preventiva é um tipo de manutenção que visa evitar problemas antes que eles aconteçam. Ela envolve a execução de reparos e substituições antes que as peças sejam totalmente danificadas. A manutenção preventiva pode ajudar a prolongar a vida útil da frota e evitar custos de reparo mais altos no futuro.

3. Manutenção corretiva

A manutenção corretiva é um tipo de manutenção que é realizada após o problema ter sido identificado. Ela envolve a execução de reparos para corrigir o problema e evitar que ele se agrave. A manutenção corretiva pode ser mais custosa do que a manutenção preventiva, mas é geralmente necessária quando os danos já foram causados.

4. Manutenção de emergência

A manutenção de emergência é um tipo de manutenção que é realizada quando um problema surge de forma inesperada. Ela envolve a execução de reparos para corrigir o problema e evitar que ele cause mais danos. A manutenção de emergência pode ser mais custosa do que a manutenção preventiva ou corretiva, mas é geralmente necessária quando os danos já foram causados.

5. Manutenção Preditiva

Gestão de manutenção preditiva é um processo de gerenciamento de manutenção baseado em dados que visa antecipar problemas e tomar medidas preventivas para evitálos. Ele envolve a coleta e análise de dados de máquinas e equipamentos para detectar padrões e prever falhas futuras. A gestão de manutenção preditiva pode ajudar a reduzir custos de manutenção, aumentar a disponibilidade de equipamentos e melhorar a segurança.
 
Bastante parecidade com a gestão preventiva, ela difere no fato de trabalhar de forma mais otimizada e qualificada, com maior investimento e estrutura de trabalho.

10 Dicas Para Ter Sucesso Na Sua Gestão!

Chegamos até aqui e agora você vai entender, os 10 passos para ter sucesso na sua gestão e não ter dor de cabeça.

1. Crie um plano de manutenção:

Um plano de manutenção bem elaborado é o primeiro passo para garantir que sua frota esteja sempre em boas condições. O plano deve incluir todas as manutenções preventivas e corretivas que devem ser realizadas, assim como a frequência com que devem ser realizadas.

2. Identifique as prioridades:

Identifique quais são as manutenções mais importantes para sua frota e priorize-as. Por exemplo, as manutenções preventivas são geralmente mais importantes que as corretivas, pois podem evitar problemas futuros.

3. estabeleça um orçamento:

Antes de começar a manutenção da frota, estabeleça um orçamento para garantir que você não gastará mais do que pode pagar. Lembre-se de incluir todos os custos, desde peças e mão de obra até ferramentas e equipamentos.

4. programe as manutenções:

Uma vez que você sabe quais manutenções precisam ser realizadas e quanto você pode gastar, programe as manutenções para que elas sejam realizadas de acordo com o seu orçamento e disponibilidade.

5. Faça a manutenção regularmente:

Não deixe que a manutenção da frota fique para trás. Quanto mais regularmente você fizer a manutenção, melhor será para a frota e mais fácil será mantê-la em boas condições.

6. Utilize ferramentas de gerenciamento:

Existem várias ferramentas de gerenciamento de frotas disponíveis que podem ajudar a simplificar o processo de manutenção da frota. Essas ferramentas permitem que você programe manutenções, acompanhe o progresso e receba alertas quando houver problemas.

É aqui que a MaxiFrota vai ajudar você. Que tal fazer toda a gestão de manutenção da sua frota em um único lugar? Temos a solução ideal para sua empresa, seja você o proprietário ou o gestor.

Clique aqui e conheça as nossas soluções para gestão de frota.

7. Treine os funcionários:

Por último, mas não menos importante, é importante treinar os funcionários envolvidos na manutenção da frota. Isso garantirá que todos estejam cientes das suas responsabilidades e saibam como executar as manutenções de forma eficiente.

8. Mantenha um registro:

Mantenha um registro de todas as manutenções realizadas em sua frota. Esse registro será útil para referência futura e para garantir que todas as manutenções sejam realizadas de acordo com o plano.

9. Faça inspeções periódicas:

Além de fazer a manutenção regularmente, faça inspeções periódicas em todos os veículos da frota. Essas inspeções permitirão que você identifique problemas antes que eles se tornem mais graves.

10. Tenha um plano de contingência:

Infelizmente, nem sempre é possível evitar problemas na frota. Por isso, é importante ter um plano de contingência para lidar com problemas quando eles surgirem. O plano deve incluir informações sobre como contatar o serviço de manutenção, onde obter peças e como gerenciar o tráfego durante o problema.

A MaxiFrota Pode Ajudar Você!

Seja você gestor de forta ou empresário e quer automatizar, tendo mais produtividade, controle e economia, nós temos a solução ideal.

Conheça o MaxiFrota Gestão de Manutenção, nosso sistema completo para você ter um controle mais eficiente, tanto de manutenção preventiva, como corretiva com total praticidade, realizando todo o processo de compra de peças e serviços de forma online.

Clique aqui e conheça as nossas soluções para gestão de frota.