Quais tipos de seguro para frotas a sua empresa precisa?
25 de dezembro, 2023 725
Gestão de Frotas
Artigo Artigo

Quais tipos de seguro para frotas a sua empresa precisa?

A escolha de seguros para frotas é um aspecto na gestão de veículos empresariais que precisa equilibrar a segurança do transporte e o custo benefício oferecido pela seguradora

Existem casos onde os acidentes de trânsito e danos aos veículos são inevitáveis. Por isso, um seguro adequado não apenas oferece tranquilidade, mas também assegura a continuidade dos negócios.

Identificar o tipo correto de seguro, que combine segurança com eficiência de custos, é um passo fundamental para proteger os ativos da empresa e otimizar a gestão de riscos.

Como funcionam os seguros para frotas?

O seguro de frota funciona como uma cobertura abrangente para vários veículos de uma empresa sob uma única apólice, simplificando o gerenciamento e potencialmente reduzindo os custos.

Diferente do seguro individual, o seguro de frota oferece a flexibilidade de cobrir uma variedade de veículos, desde carros de passeio até caminhões pesados, sob termos e condições unificados.

Geralmente, as taxas são calculadas com base em fatores como o tipo de veículos na frota, seu uso, histórico de sinistros e medidas de segurança implementadas.

Além disso, muitas seguradoras oferecem opções personalizáveis, permitindo que os gestores ajustem a cobertura conforme as necessidades específicas da frota, incluindo proteção contra colisões, roubo, danos a terceiros e outros riscos associados.

Quais os maiores riscos que podemos encontrar no seguro de automóveis de frota?

Os maiores riscos encontrados no seguro de automóveis de frota incluem acidentes de trânsito, que podem resultar em danos significativos aos veículos e lesões aos motoristas, e roubo ou furto dos veículos, um desafio constante especialmente em áreas urbanas ou rotas de alto risco.

Além disso, há o risco de danos causados por desastres naturais, como inundações e tempestades, que podem afetar múltiplos veículos simultaneamente.

Outro aspecto a considerar são os danos a terceiros, sejam eles materiais ou corporais, que podem ocorrer em acidentes envolvendo os veículos da frota.

Estes riscos, se não cobertos adequadamente, podem levar a custos elevados de reparação ou substituição, além de potenciais questões legais e financeiras.

O que um seguro de frota cobre?

Um seguro de frota tipicamente oferece cobertura abrangente para proteger contra uma variedade de riscos e imprevistos que podem afetar os veículos e operações da empresa. 

As coberturas comuns em um seguro de frota incluem:

  • Danos aos veículos: cobertura para reparos ou substituição em caso de acidentes, colisões, vandalismo ou danos causados por condições climáticas adversas.
  • Roubo e furto: proteção no caso de roubo ou furto de veículos da frota.
  • Responsabilidade civil: cobertura para danos materiais ou corporais causados a terceiros em um acidente envolvendo veículos da frota.
  • Assistência 24 horas: inclui serviços como reboque, assistência mecânica e troca de pneus.
  • Proteção contra desastres naturais: cobertura para danos causados por eventos naturais, como inundações, tempestades ou incêndios.
  • Cobertura para motoristas: inclui assistência médica ou indemnizações em caso de acidentes que resultem em lesões aos motoristas.

O que o seguro não cobre?

Existem algumas situações e condições específicas que geralmente não estão cobertas por seguros de frotas, e é fundamental para os gestores de frota estarem cientes dessas exclusões para evitar surpresas desagradáveis.

As exclusões comuns em seguros de frota incluem:

  • Danos intencionais: prejuízos causados por atos deliberados de vandalismo ou mau uso dos veículos por parte dos motoristas.
  • Uso não autorizado: danos ou perdas ocorridas quando o veículo é utilizado para propósitos não autorizados ou por motoristas não incluídos na apólice.
  • Desgaste normal: o seguro geralmente não cobre o desgaste natural que ocorre ao longo do tempo, como a depreciação dos veículos.
  • Condições externas: danos resultantes de guerras, conflitos armados ou radiação nuclear.
  • Violações legais: acidentes ou danos ocorridos enquanto o motorista está sob influência de álcool ou drogas, ou em violação de outras leis de trânsito.
  • Alterações não autorizadas: modificações feitas nos veículos que não são aprovadas pela seguradora podem resultar na invalidação da cobertura.

Que tipo de seguro é necessário para a sua frota?

A escolha do tipo de seguro mais adequado para a sua frota depende de diversos fatores, como o tamanho da frota, os tipos de veículos envolvidos, a frequência e natureza do uso, além dos riscos específicos associados à sua atividade empresarial.

Para frotas pequenas ou com veículos de menor porte, como carros de passeio, um seguro mais básico, focado em colisões e responsabilidade civil, pode ser suficiente.

Já para frotas maiores, que incluem veículos pesados como caminhões, ou que operam em condições de risco elevado, como na construção civil, seguros mais abrangentes com coberturas adicionais para roubo, danos extensos e assistência 24 horas são recomendados. 

Para não ter erro, você deve consultar um especialista em seguros para avaliar as necessidades específicas da sua frota e garantir que todos os aspectos relevantes estejam cobertos, minimizando riscos e assegurando a continuidade e eficiência dos seus negócios.

Pronto para garantir a segurança e eficiência da sua frota com a escolha certa de seguro? Tome essa e outras decisões realizando o planejamento anual da sua frota. 

Confira nosso guia gratuito para começar e otimizar a sua gestão em 2024. Faça seu download aqui.